5 de maio de 2012

Abadessa carioca!

Aproveitei a semana para ir ao Boteco Colarinho e finalmente provar a cerveja gaúcha que deu as caras no Rio de Janeiro: a saborosa Abadessa Export.
Abadessa Export é uma Lager Dortmunder não pasteurizada, entregue de sua fábrica em Porto Alegre para o Rio de Janeiro em uma câmara fria (o que torna seu transporte logisticamente mais complicado), mantendo assim a cerveja sempre fresca, como se tivesse acabado de ficar pronta. Considere, também, que a Cervejaria RSW tem como virtude em sua produção manter suas origens germânicas e obedecer a Reinheitsgebot (Lei da Pureza da Cerveja, de 1516) e produzir de forma artesanal as suas cervejas.
Então vamos falar desta breja: sua aparência é de cor de cobre, translúcida e com uma bela espuma branca que, para o estilo, me surpreendeu, durando por toda a degustação. O aroma é fantástico, com as notas de malte, mel e leve caramelo tomando conta por completo. No sabor, não encontramos referências ao amargor (como o estilo determina, pela pouca presença de lúpulo), mas não chega a ter um toque doce: ela é equilibrada, com presença leve de notas herbáceas e de mel no conjunto. Seus 5% de álcool acabam não sendo perceptíveis nesta cerveja levemente encorpada. O final é curto e seco. O conjunto é realmente muito agradável e impressionante.

2 papos de boteco:

lularibeiro disse...

Essa será minha próxima. Será que consigo tomar a de mel!?

Cláudio Solstice disse...

Fácil. Boteco Colarinho, vá e prove!