31 de dezembro de 2011

UFC 141, amigos e cervejas

Como todos sabem, sou um apaixonado por lutas. Na última noite do ano de 2011 rolou o UFC 141, com a luta principal entre Brock Lesnar x Alistair "The Reem" Overeem. Mas se este é um espaço para cervejas e suas histórias, onde estão as cervejas?

Começamos com a presença dos bons amigos André Gordirro, Oswaldinho e Nino para assistir os combates e como já virou costume aqui em casa, ao receber amigos para curtir o esporte, sempre bem acompanhados de cervejas especiais! E foram muitas na noite, eis o resultado:
Norteña, Baltika Cooler, Czechvar, Devassa Ruiva, Eisenbahn Dunkel e Colorado Demoiselle

28 de dezembro de 2011

DeliBeer Rio 2011 - Workshop com Mauricio Beltramelli

Com um certo atraso (causado pelas festividades de natal), seguem algumas imagens do workshop do sommelier de cervejas Mauricio Beltramelli (do bar e site Brejas), ministrado no DeliBeer Rio 2011, no Marina Palace, Leblon. Além da qualidade da palestra, o mais interessante foi, durante uma conversa rápida com o cara, ao dizer que - depois de escrever e publicar - eu sempre olhava algumas das análises dele para comparar e ver até onde eu havia percebido, se estava muito diferente. E ele, sorrindo, respondeu: 
- Se eu estiver falando alguma besteira, me avisa hein!

24 de dezembro de 2011

Natal com cervejas

Véspera de Natal, pessoas cantarolando os clássicos natalinos, tais como Jingle Bells, Merry Christmas, Silent Night, entre outros. Natal é época de presentes, ceia, festas e boa bebida. Para mim, claro, cerveja! E, enquanto um bom amante de desta bebida, resolvi me presentear com um kit pra lá de especial:

21 de dezembro de 2011

Warsteiner - garrafa 2

Esta é a continuação do post 17, agora falando da minha experiência com a Warsteiner Premium Verum, assistindo futebol.

19 de dezembro de 2011

Confesso que Bebi no DeliBeer Rio 2011

Confesso que Bebi esteve no evento DeliBeer Rio 2011, que rolou no hotel Marina Palace no final de semana de 16 a 18. Acompanhado do entusiasta e amante da boa cerveja MA, do podcast Deeper!, deixamos de ir à praia no sábado para degustar novas cervejas.

14 de dezembro de 2011

DeliBeer Rio 2011 - 16 a 18 de dezembro

Nesse final de semana, 16 a 18 de dezembro, vai rolar na cidade maravilhosa o evento DeliBeer Rio 2011, no Hotel Marina Palace, Leblon, das 13 horas as 21 horas (sexta vai até as 23 horas).

13 de dezembro de 2011

As maravilhas do Delirium Cuvée van de Keizer Rood

João Thomi, dono do Delirium Café, brindou os amigos Gustavo Valladares, Beto Meyer e eu com uma cerveja especial, daquelas que contam histórias, o que é tão importante quanto o sabor.

Estou falando da Gouden Carolus Cuvée van de Keizer Rood.

12 de dezembro de 2011

Delirium Café

Delirium Café existe aproximadamente há um ano e meio em Ipanema, na Barão da Torre. Uma casa simpática e com muita gente bonita recebeu o evento de 6 anos do Rock Flu, dos amigos queridos Gustavo Valladares e Sérgio Duarte, e do aniversário do portal Torcida Tricolor, do Beto Meyer.

Depois de muito bem recebido pelo João Thomi, dono da casa, recebi a carta de cervejas e entendi porque a Veja deu a eles o prêmio da melhor carta do RJ em 2011. De cara, tem uma página de novidades, e vi que muitas ali eu não conhecia e outras estavam na minha mira a alguns bares...

11 de dezembro de 2011

Warsteiner - garrafa 1

Ganhei outro dia um presente (aliás, este tipo de presente é um dos melhores da atualidade): um kit com um copo e 2 garrafas de Warsteiner, uma típica cerveja lager alemã, sendo uma clara e a outra, uma premium dunkel.

7 de dezembro de 2011

A cerveja do lago Ness

Hoje o dia foi complicado, parecia ter enfrentado uma batalha contra um monstro terrível e, por sair vitorioso (acredito eu), merecia uma cerveja especial. E, por coincidência, havia uma garrafa da austríaca Mac Queen's Nessie e resolvi aproveitar o clima para encarar esta outra fera.

5 de dezembro de 2011

Cariocas

A história do Rio de Janeiro, no seu século da fundação girou principalmente, em torno do Rio Carioca. Tão logo estabelecida a sesmaria da cidade começou-se a denominar carioca a quem vivia dentro dos seus limites, em que corria o riacho com o mesmo nome. Com o rolar dos tempos, todos os habitantes da capitania onde estava a baia do Rio de Janeiro passaram a ser chamados, indistintamente, fluminense(do latim flúmen, rio) quando a lei de 12 de Agosto de 1834 criou pelo ato adicional, o município neutro da corte, que foi depois Distrito Federal, seus naturais voltaram a ter a denominação de cariocas, enquanto os que nasciam na vizinha províncias continuaram a ser chamados de fluminense.

Além de gostar muito de boa cerveja, sinto muito orgulho de dizer que sou carioca. E vocês?

28 de novembro de 2011

Brewdog Blonde

Outro dia desses fui ao Mr.Beer do Botafogo Plaza para levar algum rótulo para casa e me indicaram a Trashy Blonde. Pale Ale de 4,1%, sendo melhor servida a 5°C, essa beleza da Brewdog tem aroma de lúpulo e um frutado muito forte, com uma bela cor amarelo dourado. Creme branco, bem concentrado. Final bastante amargo, de excelente gosto, mas pode criar alguma resistência para algumas pessoas. Parabéns mais uma vez para a Brewdog pela cerveja: até o momento, nenhuma decepção com os rótulos degustados!

27 de novembro de 2011

Russian Beer

Tovarishes do Have a Nice Beer resolveram provar para seus sócios que a Rússia vai além das lembranças de Stalin, Khrushchev, Iuri Gagarin, Chernenko, Gorbatchev. Moscou é muito mais do que a Praça Vermelha e o Kremlin ou até mesmo o Masoléu de Lênin. A Rússia superou a glasnost e a perestroika quando apresentou ao mundo a пиво Балтика - ou melhor, traduzindo - a cerveja Baltika.

26 de novembro de 2011

Degustação do Confesso!

Resultado da noite leve, com visita do sócio MA, bebendo algumas das cervejas do Have a Nice Beer. Algumas já passaram por aqui (clique para ler minhas opiniões sobre a Tokyo e sobre a Christoffel). Breve posts sobre as outras convidadas.

25 de novembro de 2011

Brewdog Tokyo

Brewdog Tokyo. Posso afirmar sem ressentimentos ou dúvidas que, depois da noite no excelente Beerjack, a minha vida de apreciador de boa cerveja se divide entre antes e depois da Tokyo. Eu, MA e Leo acertamos na hora de escolher essa maravilha! Tanto que além do post especial, convidei meu amigo MA para falar sobre a escolha da cerveja e a experiência da degustação.

15 de novembro de 2011

Beerjack Hideout

Promessa paga. Em outro post falei que conheci o Beerjack, um bar com bela carta de cervejas em Botafogo, graças ao aniversário da Ericat, que abriu a noite com belga Lucifer, da Het Anker, 8% Golden Strong Ale!

Resolvi aproveitar uma carta de cervejas de mais de 200 títulos que apenas uma não estava disponível (já eram 3 da matina quando pedi). Ou seja, o lugar atende e tem o que promete. Além do excelente atendimento e conhecimento do assunto: Gustavo atende bem e sabe tudo do mundo do lúpulo e do malte.

10 de novembro de 2011

Christoffels Bier

Mais uma entrega do Have a Nice Beer. No mês de setembro chegaram cervejas holandesas, dois presentes de Van Gogh: Christoffel Bier e Christoffel Wijs

9 de novembro de 2011

King of Beers no Brasil

Algumas cervejas merecem mais atenção que outras, momentos ou datas especiais. Mas tem a cerveja nossa de cada dia. Tenho dois amores nesse caso: a cerveja lager Budweiser, no verão é a favorita. Nada contra as "verdinhas" Heineken e Stella Artois, mas vamos respeitar the King of Beers!

8 de novembro de 2011

Have a Nice Beer, clube da alegria!

Este é o começo. Não do meu amor pela cerveja, mas o começo dos posts do Confesso que Bebi falando das entregas do clube mais bacana no momento. Estou falando do Have a Nice Beer.

Imagine receber, sem sair de casa, algumas das melhores cervejas do mundo, dois títulos por mês, selecionados por especialistas, quatro garrafas em sua casa dentro de uma embalagem bacana, além de uma revista falando das brejas escolhidas do mês e outros assuntos. Sim, eles fazem isso!

6 de novembro de 2011

O arqueiro cervejeiro

Uma tarde dessas fui ao Botafogo Praia Shopping (também conhecido como "escada shopping" entre os cariocas) e resolvi aproveitar a tarde e beber uma cerveja diferente no Mr.Beer, dessas que não tem por aqui.

5 de novembro de 2011

La bière c'est la vie!

Quelle beauté! Resolvi conhecer duas Lagers francesas. Meteor Biere Blonde de Qualite, caramelada e suave. Leve e saborosa com 4,6%, um chope francês em garrafa. A outra, Meteor Wendelinus, igualmente saborosa, mas sem o toque suave, uma Bière d'Garde (cerveja de guarda, onde normalmente a última fermentação ocorre na garrafa) agradável de 6,8%. Boas surpresas do país dos vinhos. Santé!

4 de novembro de 2011

Cervejas espanholas

Espanha. Futebol bipolarizado entre Real Madrid e Barcelona. Touradas. E cerveja? Sim, provei dois rótulos que colocaram o país na rota da distribuição da cerveja. Podem não produzir como Alemanha, Bélgica e República Tcheca, mas os exemplos abaixo são de boas lager para exportação.


Estrella Galícia seria comparada com uma Stella Artois, um pouco mais amarga, mas tenta buscar o mesmo mercado. São 5,5% lupulados, mas talvez estivesse gelada demais, comprometendo sabores e aromas. Já a reserva especial 1906 é uma bela surpresa, uma lager com 6,5% com bom sabor, muito álcool, final seco e amargor médio/forte. ¡Olé!

3 de novembro de 2011

As uruguaias

Cervejas uruguaias. Nossos vizinhos fazem boas cervejas. Não pense que o tempo frio deixou eles apenas com bocks e cervejas escuras. Estas duas são exemplos claros de cervejas servidas bem geladas. Ambas lager com 5% de sabor para o verão brasileiro, com um toque a mais de amargor, deixando uma sensação  final excelente. E o que mais agradou de verdade foram as garrafas de 1 litro. Me gustan Norteña y Patrícia!

5 de agosto de 2011

Burgman, uma leve surpresa

Burgman Flanders Red. Ao provar uma cerveja vermelha, você pensa em uma cerveja mais encorpada, porém esta é uma característica dos maltes utilizados. Seus 6,5% de teor alcoólico levam você a pensar mais ainda sobre uma cerveja não convencional no Brasil, se tratando de uma Ale. Contudo, é um chopp de tão leve e saboroso, o que gera uma dúvida: estaria bebendo a cerveja correta? Um sabor que não se classifica mas agrada a todos. Parabéns aos criadores!


15 de julho de 2011

Baden ruiva

Baden Baden Red Ale. Cerveja de linda cor avermelhada (vermelho rubi), um pouco mais doce que esperava. Pede uma boa carne ou uma costela de porco para harmonizar. Encorpada, o bom sabor desta Barley Wine (um tipo de Strong Ale, classificada por ser tão forte quanto vinho) com seus 9,2% de muita qualidade. Notas de malte muito bem equilibradas com um leve amargor. Uma das melhores cervejas que nosso Brasil produziu e uma das melhores do mundo, com certeza! Um brinde!

14 de julho de 2011

Momento literário
Great Beers

Agora é completar o álbum! Faltam poucas... centenas!

11 de julho de 2011

Como tudo começou!

Um surto, depois de ler em sequência Neruda e Jaguar, e resolvi finalmente escrever algo útil. Entre um copo e outro, fugindo da mesmice das cervejas de carnaval, suor e calor do Rio de Janeiro, resolvi provar novos sabores, lúpulos, maltes e insumos diversos, entre os mais de 100 tipos de cerveja. Sejam bem vindos ao Confesso que bebi.